Como
Funciona

Transparência

A Associação Fundo Areguá conta com uma gestão transparente e profissional em todas as suas frentes. No âmbito das bolsas de estudos, o processo de seleção começa com uma parceria com o Serviço Social da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. A instituição realiza a primeira seleção de interessados e nos encaminha uma listagem filtrada. Na sequência, é realizada uma segunda triagem por meio de um questionário para avaliar a afinidade com os nossos critérios (veja mais aqui). A última fase é uma entrevista com os candidatos conduzida pelos conselheiros da associação. Os bolsistas selecionados são anunciados neste site e todos os participantes recebem um retorno personalizado sobre o processo.

Na gestão do patrimônio arrecadado, os membros do conselho têm acesso periódico a todas as informações referentes às doações e à evolução dos investimentos. O Areguá é auditado externamente e as avaliações podem ser consultadas no nossa página de notícias. Ao final de cada ano, é feita uma análise da performance dos investimento para definir o montante disponível para o orçamento do próximo período e potenciais ajustes na gestão financeira. A partir disso, o conselho define os valores destinados a novos bolsistas, projetos acadêmicos e custeio da estrutura da associação.

O que fazemos com as doações

Nos inspiramos no modelo dos fundos patrimoniais, também conhecidos como endowments, que são usados no mundo inteiro para sustentar universidades, museus, orquestras e fundações. A vantagem deste modelo é que o valor principal do fundo é preservado ao longo do tempo, retirando apenas o seu rendimento. Assim, temos mais segurança para planejarmos a longo prazo, o que nos permite garantir bolsas de estudos aos alunos de Medicina até o final do curso.

Nosso planejamento também inclui o apoio a projetos da Santa Casa, como o programa Pesquisadores do Futuro, além do custeio da nossa estrutura. Trabalhamos com uma equipe enxuta e nossos custos envolvem principalmente a equipe administrativa, assessoria jurídica, contabilidade, comunicação, serviços bancários e de administração dos investimentos, manutenção do site e auditoria externa. Ao todo, o orçamento anual do Areguá é dividido da seguinte forma: 70% para bolsas e projetos acadêmicos e 30% para o custeio da associação.

Outro ponto positivo para a sustentabilidade da associação no longo prazo é que, daqui alguns anos, os atuais bolsistas começarão a devolver o valor das mensalidades, retribuindo tudo que receberam ao longo da graduação. Isto gera um fluxo de retorno de investimento que, junto com as doações, nos possibilitará conceder mais bolsas de estudos, formando assim uma grande corrente do bem.

Gestão dos Investimentos

As diretrizes de investimento são definidas pelo nosso conselho de administração, geralmente com critérios conservadores. Desta forma, garantimos um resultado financeiro com baixo risco, blindando o patrimônio arrecadado das oscilações inerentes ao mercado de capitais. Do lado operacional, um time de profissionais especializados de private bank de um grande banco brasileiro fica a cargo da gestão dos investimentos.

Quando recebi a notícia do Areguá, parecia que uma tonelada tinha sido tirada das minhas costas. Sinto uma gratidão imensa pelos doadores.”

– Alan Ziroldo

Bolsista selecionado em 2019